dezembro 2009


Fonte: http://www.tirinhas.com/xkcd.php?tira=416

Anúncios

Interessante como relacionamos pipoca com guaraná, isso é culpa daquela bendita propaganda de refrigerante (Guaraná Antarctica) que tocava uma esfomeante música. Eu particularmente bebo guaraná quando como pipoca salgada, somente por causa dessa propaganda. Será que tinha mensagens subliminar ou de fato eles descobriram que essa é uma combinação perfeita? Isso não importa agora. Depois falamos sobre isso.

Como fazer pipoca no micro-ondas?

Como fazer pipoca na panela esquentando a barriga no fogão?

Para os especialistas em fazer pipoca na panela é fácil saber quando a pipoca está pronta. Esses especialistas esperam o barulho dos estouros da pipoca acabar e retiram a panela do fogo. Sentir cheiro de queimado também é uma condição de parada e se isso acontecer as vezes da para salvar alguma coisa.

E no micro-ondas?

Ahhhh, no micro-ondas.

No micro-ondas, temos o fantástico botão PIPOCA. Esse ai utiliza a técnica dos 3 minutos. Não sei porque, mas os fabricantes de micro-ondas definiram que 3 minutos é suficiente para fazer pipoca. Papai noel utiliza muito esse botão.

Qual a melhor técnica? Qual a melhor opção? Qual faz a melhor pipoca? Até porque a bebida de acompanhamento nós já sabemos qual é.

O botão pipoca adora me sacanear, sempre sobra metade do milho dentro do saquinho. Por isso não uso esse botão desde que eu parei de acreditar em papai noel. Hoje em dia eu ando colocando mais tempo, mas mesmo assim não é tão bom quanto os meus ouvidos.

Então vamos as imagens.

Em uma aula de administração básica do curso de computação, a professora falou de boca cheia que por trás do botão de pipoca do micro-ondas existe um sistema de inteligência artificial. Ai, que dor que me deu na vesícula nessa hora. Eu fiquei somente na dor e não falei nada e a aula prosseguiu normalmente.

Eu tentei não pensar nisso durante muito tempo, mas eu não consegui. Essa vontade dentro de mim foi esquentando, esquentando até que acabou estourando e resolvi escrever esse post.

Não, eu não acho que tenha inteligência artificial por de trás dos 3 minutos do botão pipoca. O forno de micro-ondas não toma nenhuma decisão durante esses 3 minutos, nada é feito além de esquentar os pobres grãos de milho. Na aula eu não tive coragem de falar isso em voz alta. Ainda bem, a professora não tinha lançado minha nota. Ufa!!!

Mas como seria um sistema inteligente para fazer pipoca???

Vamos analisar o que escrevi um pouco acima. Se você prestou atenção, nós já temos uma idéia para construir esse sistema inteligente.

Ahhhhhhhhhh! Eh, mumu!!!

Como diz o meu amigo Locks: – É teta!

É só desenvolver um aparato eletrônico que escute o som das pipocas estourando e um sistema inteligente que analise esses sons. Com base nos padrões de estouro de pipoca o sistema decide quando a pipoca está pronta para o consumo e desliga o forno. Afinal, é assim que fazemos pipoca de panela.

Que atire a primeira pipoca quem nunca fez pipoca assim.

Quem quiser desenvolver esse sistema inteligente ou escrever um artigo eu estou a disposição. Apesar de ser uma idéia aparentemente cretina, muita coisa pode ser estudada. Entre elas temos de cara, identificação e classificação de sons, identificação de padrões, data mining, raciocínio baseado em casos e da até para pensar em uma rede neural. Tudo isso apenas no botão de pipoca do micro-ondas. Para os mais taradinhos em robôs. Dá pra criar um robô que faz isso e tirar essa responsabilidade do botão pipoca.

Dúvida:

Você ficou com vontade de comer pipoca, beber guaraná ou os dois?

Esse post foi escrito enquanto eu comia pipoca bebendo coca-cola.